Casa Ipanema

O ambiente descontraído da Casa Ipanema é a cara da marca, que nasceu em 2001 acreditando “na reinvenção dos velhos conceitos” e com muita paixão pelo novo. Essas ideias estão traduzidas nos modelos sempre atuais e nas parcerias com diferentes criadores e marcas, como Animale e Dress To, que emprestam sua identidade a sandálias para todos os estilos.

casa-ipanema

Confesso que comecei a explorar o “universo Ipanema” após conhecer a Casa Ipanema e, semanas depois, participar de um curso que aconteceu no espaço. No primeiro piso, uma loja clean e eficiente nos convida a ver, tocar e experimentar a variedade de cores e modelos de cada peça. No segundo piso, um espaço colaborativo reúne coleções de novos talentos da moda carioca. Precisa dizer mais?  Foi lá que conheci a Amú, Self + (na foto), Aragem Rio e tantas outras marcas cariocas que não canso de amar.

selfmais-rio

A Casa Ipanema fica na Rua Garcia D’Ávila, 77, em Ipanema, no Rio de Janeiro. Abaixo, alguns cliques meus para convidá-los, mais uma vez, a fazer uma “escala” no espaço antes de curtir o verão na Cidade Maravilhosa vestindo moda local.

casa-ipanema-2

casa-ipanema-1

(Imagens: divulgação e acervo)

Festivos não óbvios

Festas à vista e, nas campanhas internacionais, ideias para fugir do óbvio com peças de alfaiataria. Além de compor visuais modernos, a versatilidade desses itens faz valer o investimento: um bom conjunto de alfaiataria é eterno, e vai de reuniões de trabalho à comemorações com a variação das demais peças e dos acessórios.

No Resort da Prabal Gurung, o conjunto preto foi combinado ao top cropped com recorte em um look chique com atitude. Em outras ocasiões, o blazer pode acompanhar um vestido ou calça jeans, enquanto a calça funciona tanto com camisa como com outros tops em tecido nobre.

alfaiataria-prabalgurungresort2017

Falando nisso, tops em seda ou renda também fazem parte da lista de itens que rendem muito no closet. Na segunda inspiração, da Mango, a calça flare, que está em alta, atualiza a clássica blusa de renda em um visual monocromático elegante. Pense em duplas de peças off-white ou cores vibrantes, como laranja e pink, de acordo com o seu estilo, e dê um toque de brilho com uma sandália ou clutch metalizada.

mangodecember2016

O conjunto da Monique Lhuillier não fica atrás dos vestidos mais cobiçados do Tapete Vermelho. Assim como a monocromia, o tom sobre tom é muito bem vindo em conjuntos para festas. Em dois tons de azul, o tomara que caia estruturado com calda e a calça de alfaiataria são uma maneira super atual de desfilar em comemorações formais. Quer mais brilho? Adicione um belo colar ou maxi brincos preciosos.

moniquelhuillier-ss16

(Imagens: divulgação)

Conteúdo de Moda é coisa séria

Não são poucas as marcas e, principalmente, lojas virtuais que nascem todos os dias. Com a facilidade na construção de sites e opções de divulgação em redes sociais, basta ter um aparelho conectado à internet para iniciar seu negócio.  No facebook, instagram e outras ferramentas “prontas”, todo mundo pode fazer seu próprio marketing. Mas será que é bem assim?

Nos últimos meses iniciei um trabalho de curadoria para uma loja colaborativa, o que me fez passar horas avaliando empresas inscritas, seus sites e fanpages; e não são poucas as marcas (não apenas de moda) que pecam na hora de falar sobre o que vendem. “Peça super clássica”, “modelo exclusivo”, “ícone fashion” são palavras muito bonitas para valorizar um produto. Mas antes de publicar, é preciso questionar-se: esse produto é clássico? O que é um clássico? A peça em questão é exclusiva? Qual o significado de uma roupa exclusiva? Essa roupa é um ícone fashion? Você sabe o que é um “ícone fashion”?

fashion-content

Além disso, muitos revendedores de moda parecem desconhecer dados técnicos sobre seu produto. Qual é o tecido? Como o cliente pode conservá-lo? Uma foto bonita vale muito, mas informação clara e correta é fundamental. E reservar um tempo para cuidar do seu conteúdo também.

• Estude seu segmento

Antes de vender calçados, por exemplo, estude o setor. Pesquise a divulgação e o conteúdo de empresas líderes e seus concorrentes locais, procure conhecer as tendências de moda, busque matérias de veículos conceituados sobre cores, modelos e materiais que estão em alta. Entender o “território” onde irá atuar também vai ajudá-lo na hora das compras.

• Agregue informação às imagens

Aposte no marketing de conteúdo, levando informação relevante aos seus clientes (entenda o que é marketing de conteúdo aqui). Informar sobre matéria-prima, modelagem, origem e conceito da coleção e/ou das marcas com as quais trabalha, e conservação do produto, gera segurança no cliente e contribui para um bom posicionamento do seu negócio. Ensinar o cliente a cuidar do produto também pode evitar trocas desnecessárias e reclamações.

• Consultoria de Moda exige conhecimento

Dicas de moda, informação sobre modelagens para cada tipo de corpo e sugestão de combinações para diferentes ocasiões são muito comuns em blogs e fanpages de lojas. Muitas delas com sérios problemas. Quando sua empresa não possui um profissional da área para criar publicações dessa natureza, vale publicar links de sites de consultores de imagem ou citar truques de moda encontrados em veículos que possuem jornalistas especializados. De uma forma direta: não fale sobre o que não sabe. Vou parecer chata, mas chato mesmo é aliar a imagem da sua empresa a uma informação sem embasamento. Não acha?

Conteúdo com responsabilidade é a melhor forma de construir credibilidade. Não subestime o conhecimento dos seus clientes e lembre-se que conhecer profundamente o produto com o qual trabalha é uma das melhores estratégias de venda.

(Imagem: Armani Design)

+ | A Cena atua com desenvolvimento de conteúdo especializado para empresas de Moda. Conheça e acompanhe nossas dicas diárias na fanpage, e solicite seu orçamento através doo e-mail contato@cenamoda.com.

Chinelos: Chanel e charmosos modelos nacionais

Os confortáveis chinelos conquistaram seu espaço e passeiam por aí em versões de luxo. Depois de marcas como Havaianas e Ipanema atualizarem suas peças em parceria com importantes designers e grifes, o modelo com apenas uma tira larga é o queridinho da vez.

Na passarela da coleção resort da Chanel, os chinelos misturam com perfeição as tendências da temporada e elementos clássicos da grife: pérolas e as tradicionais correntes entrelaçadas com couro, das alças das bolsas da grife, enfeitam os modelos. Os detalhes sofisticados tornam o item capaz de acompanhar os casaquetos e vestidos da maison, que, ao lado dele, compõe visuais frescos e atuais.

chinelos-chanel-resort-17-1

Em uma proposta moderna, as pérolas do chinelo também caem muito bem ao lado do jeans e camiseta. Com essa dupla, é fácil inserir personalidade no visual através da terceira peça e dos acessórios.

chinelos-chanel-resort-17-7

Os modelos com corrente e couro aparecem em looks visualmente democráticos na passarela da grife, combinados com conjunto de alfaiataria monocromático ou ao lado de uma esperta combinação de t-shirt e saia estampada. Outra ideia é usá-lo com biquíni e calça ampla no litoral.

chinelos-chanel-resort-17-6

chinelos-chanel-resort-17-8

Por aqui, marcas nacionais trazem opções acessíveis e cheias de charme. No e-commerce da It Design, versões com materiais metalizados, que estão em alta, renovam o visual com um toque moderno; enquanto a marca Flatz reinventa as clássicas listras com o contraste entre o brilho do paetê e solado esportivo. Difícil é escolher um só.

it-design-1

it-design-2

flatz-1

(Imagens: divulgação)

Quatro delícias de quatro cidades italianas | Roma (e Vaticano)

Ainda conheço pouco do mundo, mas já tenho certeza que a Cidade Eterna é um dos lugares mais incríveis que existem nele. Começo a série de posts Quatro delícias de quatro cidades italianas com ela e com uma das maiores delícias da vida…

roma-1

• Estudar arte, história e arquitetura ao ar livre

Roma respira arte e as construções históricas são de tirar o fôlego. Quem, como eu, se interessa por essas áreas, precisa, além de visitar pontos como Coliseu e Panteão, reservar um tempo para caminhar pela cidade observando cada detalhe arquitetônico das edificações de “antes de Cristo” e visitar as igrejas que encontrar pelo caminho. Para aproveitar melhor a viagem nesse sentido, recomendo assistir filmes clássicos e até mesmo revisitar os livros de história do Ensino Médio antes de embarcar, principalmente se não vai contar com um guia turístico por lá (meu caso). Depois desse remember, vai ser mágico remontar toda a história em sua mente quando pisar em terras romanas.

roma-3

roma-2

• Conhecer ao menos um restaurante em Trastevere

Super charmoso, o bairro boêmio de Roma é famoso por seus bares e restaurantes. Por lá é possível encontrar diferentes tipos de comidas típicas, de sanduíches à pizzas e massas. Comece seu passeio degustando bons queijos na Antica Caciara, e escolhendo um para trazer para casa, e experimente o sorvete artesanal e orgânico da Fatamorgana. Alguns estabelecimentos oferecem pizza al taglio, que nada mais é que pizza em pedaços, uma boa opção para quem come pouco, já que a pizza individual tradicional não é pequena. Para jantar, segui a indicação de uma amiga e repasso a recomendação: aprecie uma deliciosa massa na Enoteca Ferrara.

• Garimpar itens de couro na região da Piazza di Spagna

Nos arredores da Piazza di Spagna encontram-se diversas lojas de artigos em couro (leia mais sobre compras na região). Por mais que pareçam “iguais”, vale a pena entrar para garimpar em cada uma delas: no interior das lojas é possível achar saldos e acessórios como cintos, carteiras e luvas de excelente qualidade com preços amigos. Na Florence Moon, por exemplo, tem bolsas em formatos super diferentes e peças com design tradicional em combinações de cores espertas, como marinho e marrom ou laranja com caramelo.

roma-5

• “Parar o mundo” no Vaticano

Sensações são muito particulares, e o Vaticano me proporcionou um dos dias mais emocionantes de toda a vida. Visite os Museus Do Vaticano, encante-se com a beleza da Capela Sistina e com a riqueza da Basílica de São Pedro e admire Roma do alto (a vista da Basílica de São Pedro vale a subida pelas estreitas escadarias). Mas, mais do que isso, sinta a energia do Vaticano. Fazer esse passeio em silêncio, com um olhar cuidadoso a cada detalhe e som, aproveitando para absorver  toda a magnitude física e espiritual do lugar faz muito bem para a alma.

roma-6

(Fotos: acervo pessoal)

Bermuda cool

Depois de passar um tempo na “geladeira” da moda, as bermudas reaparecem com força nas passarelas e nas vitrines em visuais nada ultrapassados. Em corte tradicional de alfaiataria ou com modelagem ampla, a peça ganhou cores e estampas da temporada no verão 2016 da Nutria.

O look book da marca mostra visuais que levam as bermudas do escritório aos momentos de lazer, em composições com a “cara” do verão brasileiro. Os desenhos em preto e branco são os mais democráticos: use com camisa para trabalhar e com camiseta e um acessório de impacto fora do expediente (ou dentro dele, quando seu trabalho não exige dress code formal).

bermuda1

bermuda2

Composições que misturam branco, verde e tons terrosos são atuais, fáceis e certeiras; melhor ainda quando os acessórios ou sapato trazem materiais rústicos e/ou com texturas, como madeira e corda. O toque despojado desses elementos e cartelas de cores que fogem do óbvio reeditam bermudas tradicionais. Outra boa inspiração da Nutria é o visual que combina blazer branco com bermuda vibrante e blusa estampada. Estampas tropicais fortes, como floral com o fundo preto ou desenhos de aves multicoloridas, são perfeitas para “reciclar” clássicos.

bermuda3

bermuda7

bermuda6

As estampas geométricas não ficaram de fora. E quem busca peças que permitem muitas combinações e não “saem de moda” tão cedo pode investir em bermudas listradas ou quadriculadas em tons escuros. Mais inspiração? Nunca é tarde para arriscar um visual contrastante. Laranja com vermelho ou amarelo com azul tem tudo a ver!

bermuda5

bermuda4

(Imagens: divulgação/Nutria)

Curso | Styling no Marketing de Moda

O styling é uma ferramenta essencial para tornar produtos mais atraentes e melhorar a performance de vendas. No mercado da moda é importante criar imagens que, além de bonitas, atraiam a atenção e despertem o desejo do público.

No dia 03 de dezembro vou ministrar, no Villa Coworking, o curso Styling no Marketing de Moda. Será um sábado todo para apresentar e discutir formas de estudar e pensar a criação de imagens de moda com foco em vendas, seja na produção de desfiles, catálogos, look books, fotos para redes sociais até a concepção de vitrines.

Além de estudantes de Moda que desejam atuar nas áreas de produção de moda, marketing e visual merchandising, e designers que desejam ampliar seus conhecimentos a fim de aprimorar o material de divulgação de suas marcas, o conteúdo é interessante para varejistas que buscam elaborar suas vitrines e displays de forma mais assertiva, e profissionais de marketing e fotografia que atuam com empresas de moda.

styling-banner-menor

Clique aqui para maiores informações e inscreva-se. O investimento é de R$ 160.