Comportamento

“Se alguém por mim perguntar”

grampo

Quantas vezes já escolhemos uma roupa que adoramos, nos identificamos, e que nos deixa seguros em frente ao espelho, mas que depois de algum tempo fora de casa parecem incompatíveis com o tempo ou inadequadas para a ocasião. No instante em que o conforto vai embora, a concentração para qualquer conversa já não é mais a mesma. A “festa” perde um pouco a graça e, dependendo do tamanho do incômodo, seu apreço pela peça, que agora evoca lembranças indesejadas, nunca mais será o mesmo. Não adianta reformar.

Está na hora de trocar de roupa. Passar adiante o que não serve mais. Talvez ela tenha sido feita sob medida para outro alguém, para ser usada em outro tempo e espaço. Entre as melhores coisas da vida estão o desapego e a mudança. Elas são sobre separar e unir. Deixar para seguir. “Se alguém por mim perguntar, diga que eu só vou voltar depois que me encontrar“.

(Imagem: Visual Hunt)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s