Moda, Negócios

Conteúdo de Moda é coisa séria

Não são poucas as marcas e, principalmente, lojas virtuais que nascem todos os dias. Com a facilidade na construção de sites e opções de divulgação em redes sociais, basta ter um aparelho conectado à internet para iniciar seu negócio.  No facebook, instagram e outras ferramentas “prontas”, todo mundo pode fazer seu próprio marketing. Mas será que é bem assim?

Nos últimos meses iniciei um trabalho de curadoria para uma loja colaborativa, o que me fez passar horas avaliando empresas inscritas, seus sites e fanpages; e não são poucas as marcas (não apenas de moda) que pecam na hora de falar sobre o que vendem. “Peça super clássica”, “modelo exclusivo”, “ícone fashion” são palavras muito bonitas para valorizar um produto. Mas antes de publicar, é preciso questionar-se: esse produto é clássico? O que é um clássico? A peça em questão é exclusiva? Qual o significado de uma roupa exclusiva? Essa roupa é um ícone fashion? Você sabe o que é um “ícone fashion”?

fashion-content

Além disso, muitos revendedores de moda parecem desconhecer dados técnicos sobre seu produto. Qual é o tecido? Como o cliente pode conservá-lo? Uma foto bonita vale muito, mas informação clara e correta é fundamental. E reservar um tempo para cuidar do seu conteúdo também.

• Estude seu segmento

Antes de vender calçados, por exemplo, estude o setor. Pesquise a divulgação e o conteúdo de empresas líderes e seus concorrentes locais, procure conhecer as tendências de moda, busque matérias de veículos conceituados sobre cores, modelos e materiais que estão em alta. Entender o “território” onde irá atuar também vai ajudá-lo na hora das compras.

• Agregue informação às imagens

Aposte no marketing de conteúdo, levando informação relevante aos seus clientes (entenda o que é marketing de conteúdo aqui). Informar sobre matéria-prima, modelagem, origem e conceito da coleção e/ou das marcas com as quais trabalha, e conservação do produto, gera segurança no cliente e contribui para um bom posicionamento do seu negócio. Ensinar o cliente a cuidar do produto também pode evitar trocas desnecessárias e reclamações.

• Consultoria de Moda exige conhecimento

Dicas de moda, informação sobre modelagens para cada tipo de corpo e sugestão de combinações para diferentes ocasiões são muito comuns em blogs e fanpages de lojas. Muitas delas com sérios problemas. Quando sua empresa não possui um profissional da área para criar publicações dessa natureza, vale publicar links de sites de consultores de imagem ou citar truques de moda encontrados em veículos que possuem jornalistas especializados. De uma forma direta: não fale sobre o que não sabe. Vou parecer chata, mas chato mesmo é aliar a imagem da sua empresa a uma informação sem embasamento. Não acha?

Conteúdo com responsabilidade é a melhor forma de construir credibilidade. Não subestime o conhecimento dos seus clientes e lembre-se que conhecer profundamente o produto com o qual trabalha é uma das melhores estratégias de venda.

(Imagem: Armani Design)

+ | A Cena atua com desenvolvimento de conteúdo especializado para empresas de Moda. Conheça e acompanhe nossas dicas diárias na fanpage, e solicite seu orçamento através doo e-mail contato@cenamoda.com.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s